Apostila Digital - Matéria Básica de Conhecimentos Gerais para Professor de Ensino Fundamental II e Ensino Médio da Secretaria Municipal da Educação da Prefeitura de São Paulo - Concurso 2016 - 395 páginas
APOSTILA DIGITAL
Product ID: 2078
New In stock
Apostila Digital Prefeitura de São Paulo - Professor de Ensino Fundamental II e Ensino Médio - Conhecimentos Gerais

Apostila Digital Prefeitura de São Paulo - Professor de Ensino Fundamental II e Ensino Médio - Conhecimentos Gerais

Edição: 22/02/2016


Por:
R$ 40,00

R$ 38,00 à vista com desconto Boleto - TrayCheckout
 

APOSTILA EM FORMATO DIGITAL
Necessária instalação do App SoluçãoReader
CONTEÚDO NÃO DISPONÍVEL PARA IMPRESSÃO OU GRAVAÇÃO

Ensino Superior
Salário: R$ 2.475,00

Apostila Digital Prefeitura de São Paulo - Professor de Ensino Fundamental II e Ensino Médio - Conhecimentos Gerais

 

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO

EDITAL N° 01, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2016

ver editais e publicações

 

Inscrições de 18/02/2016 a 16/03/2016

Site: http://fgvprojetos.fgv.br/

 

 

APOSTILA DIGITAL

INSTALAÇÃO DO APLICATIVO

É necessária a instalação do App SoluçãoReader para utilização da apostila digital.

Baixe o aplicativo SoluçãoReader, compre a apostila e ative o produto.

Clique no ícone desejado para baixar o aplicativo.

 

               

 

Obs.: O CONTEÚDO DA APOSTILA DIGITAL NÃO É DISPONÍVEL PARA IMPRESSÃO OU GRAVAÇÃO

 

 

 

 

CONHECIMENTOS GERAIS

Contém testes com respostas

395 páginas

 

 

 

Conteúdo Programático:

 

CONHECIMENTOS GERAIS

 

DOCUMENTOS INSTITUCIONAIS

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação de Jovens e Adultos –EJA. Resolução CNE/CEB n.º 1, de 05/07/2000.

Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2000.

BRASIL. MEC 2004.

Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana.

BRASIL. Ministério da Educação. SEESP. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva.

Documento elaborado pelo Grupo de trabalho nomeado pela Portaria Ministerial n.º 555, de 5 de junho de 2007, prorrogada pela Portaria n.º 948, de 09 de outubro de 2007: Brasília, Ministério da Educação Básica, Secretaria da Educação Especial, 2007.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Indagações sobre currículo. Currículo e Avaliação / FERNANDES, Claudia de Oliveira, FREITAS, Luiz Carlos de. Brasília, 2008. p. 17-39.

São Paulo (SP). Secretaria Municipal de Educação. Diretoria de Orientação Técnica. Programa Mais Educação São Paulo: Subsídios para a implantação. São Paulo: SME/DOT, 2014.

São Paulo (SP). Secretaria Municipal de Educação. Diretoria de Orientação Técnica. Educação de Jovens e Adultos: princípios e práticas pedagógicas – 2015. São Paulo: SME/DOT, 2015.

Legislação Federal e Normas Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Artigos 5º, 37 a 41, 205 a 214, 227 a 229. Lei Federal n.º 8.069, de 13/07/1990 –Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Artigos 53 a 59 e 136 a 137.

Lei Federal n.º 9.394, de 20/12/1996 –Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Lei Federal n.º 10.639, de 09/01/2003 – Altera a Lei n.º 9.394/96, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir no currículo oficial da Rede de Ensino a obrigatoriedade da temática "História e Cultura Afro-Brasileira", e dá outras providências.

Lei Federal n.º 10.793, de 01/12/2003 – Altera a redação do art. 26, § 3º, e do art. 92 da Lei n.º 9.394/96, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Lei Federal n.º 11.645, de 10/03/2008 – Altera a Lei n.º 9.394/96, modificada pela Lei n.º 10.639/03, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional, para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena”.

Lei Federal n.º 12.796, de 04 de abril de 2013 – Altera a Lei n.º 9.394/96, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para dispor sobre a formação dos profissionais da educação e dar outras providências.

Decreto n.º 6.949/09 –Promulga a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo, assinados em Nova York, em 30 de março de 2007.

Resolução n.º 04/10 -Define Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação Básica.

Decreto n.º 7.611/11 – Dispõe sobre a educação especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências.

RESOLUÇÃO Nº 2, DE 30 DE JANEIRO 2012 - Define Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. BRASIL. Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio in: Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Secretaria da Educação Básica. Diretoria de Currículos e da Educação Integral. 2013. Págs. 144 a 201.

 

 

LEGISLAÇÃO MUNICIPAL

Decreto n.º 45.415/04 – Estabelece diretrizes para a Política de Atendimento a Crianças, Adolescentes, Jovens e Adultos com Necessidades Educacionais Especiais no Sistema Municipal de Ensino.

Portaria n.º 5.718/04 – Dispõe sobre a regulamentação do Decreto n.º 45.415, de 18/10/04, que estabelece diretrizes para a Política de Atendimento a Crianças, Adolescentes, Jovens e Adultos com Necessidades Educacionais Especiais no Sistema Municipal de Ensino, e dá outras providências.

Decreto n.º 51.778/10 – Institui a Política de Atendimento de Educação Especial, por meio do Programa Inclui, no âmbito da Secretaria Municipal de Educação.

Portaria n.º 2.496/12 – Regulamenta as salas de apoio e acompanhamento à inclusão – SAAIs, integrantes do inciso II do artigo 2º – PROJETO APOIAR, que compõe o Decreto n.º 51.778, de 14/09/10, que institui a política de atendimento de Educação Especial do Programa INCLUI, no âmbito da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo.

Portaria n.º 2.963/13 – Organiza o quadro de Auxiliares de Vida Escolar –AVEs e de Estagiários de Pedagogia, em apoio a Educação Inclusiva, especifica suas funções e dá outras providências.

Decreto n.º 54.452/13 –Institui, na Secretaria Municipal de Educação, o Programa de Reorganização Curricular e Administrativa, Ampliação e Fortalecimento da Rede Municipal de Ensino – Mais Educação São Paulo.

Portaria n.º 5.930/13 –Regulamenta o Decreto n.º 54.452, que institui o Programa de Reorganização Curricular e Administrativa, Ampliação e Fortalecimento da Rede Municipal de Ensino de São Paulo –“Mais Educação São Paulo”. Publicado no DOC de 15/10/2013, pag.13.

Decreto n.º 54.454/13 –Fixa diretrizes gerais para a elaboração dos regimentos educacionais das unidades integrantes da Rede Municipal de Ensino, bem como delega competência ao Secretário Municipal de Educação para o estabelecimento das normas gerais e complementares que especifica.

Portaria n.º 5.941/13 – Estabelece normas complementares ao Decreto n.º 54.454, de 10/10/13, que dispõe sobre diretrizes para elaboração do Regimento Educacional das Unidades da Rede Municipal de Ensino e dá outras providências.

 

 

PUBLICAÇÕES MUNICIPAIS

DIÁLOGOS INTERDISCIPLINARES A CAMINHO DA AUTORIA. Elementos conceituais e metodológicos para a construção dos direitos de aprendizagem do Ciclo Interdisciplinar.

CURRÍCULO INTEGRADOR DA INFÂNCIA PAULISTANA.

 

 

BIBLIOGRAFIA

ARROYO, Miguel. Imagens Quebradas–Trajetórias e tempos de alunos e mestres. Petrópolis: Vozes, 2009.

BONAMINO, Alicia; SOUZA, Sandra Zákia. Três gerações de avaliação da educação básica no Brasil: interfaces com o currículo da/na escola. Educação e Pesquisa. São Paulo, v. 38, n. 2, p. 373-388, abr./jun. 2012.

FREIRE, José Ribamar Bessa. A herança cultural indígena, ou cinco ideias equivocadas sobre os índios. In: Cineastas indígenas: um outro olhar: guia para professores e alunos. Olinda, PE: Vídeo nas aldeias, 2010. pp. 18 a 38.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1999.

GOMES, Nilma Lino. Relações Étnico-raciais, Educação e Descolonização dos Currículos. In Currículo sem Fronteiras, v. 12, n.1. pp. 98 – 109, Jan/Abr 2012

HERNÁNDEZ, Fernando. Transgressão e mudança na educação: os projetos de trabalho. Tradução: Jussara Haubert Rodrigues. Porto Alegre: Artmed, 1998

MANTOAN, Mª Teresa Egler. Inclusão Escolar –O que é? Por quê? Como fazer? 1ª ed. São Paulo: Summus, 2015.

OLIVEIRA, Inês Barbosa de. O conhecimento na era dos transtornos: limites e possibilidades. In: COLLARES, Cecília Azevedo Lima; MOYSÉS, Maria Aparecida Affonso; RIBEIRO, Mônica Cintrão França (organizadoras). Novas capturas, antigos diagnósticos na era dos transtornos: memórias do II seminário internacional. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2013.

Superando o Racismo na escola. 2ª edição revisada / Kabengele Munanga, organizador. – [Brasília]: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, 2005

SACRISTÁN, Jose Gimeno (org). Saberes e incertezas sobre o currículo. Porto Alegre: Penso, 2013.

SOARES, Leôncio et al. Diálogos na Educação de Jovens e Adultos. 4ª ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2011.

WALDMAN, Tatiana Chang. O acesso à educação escolar de imigrantes em São Paulo: a trajetória de um direito. São Paulo, USP, 2012. 236 f. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós Graduação da Faculdade de Direito da USP. Págs. 13 a 24. 

Deixe seu comentário e sua avaliação


Características



      ÁREA DO CONCURSEIRO  

     

     

     

     

       ATUALIDADES   

     

    As notícias e fatos recentes e mais relevantes no contexto histórico, político, econômico e social que podem facilmente ser cobrados nesse concurso, assim como em qualquer outro. Comentado pela equipe Solução.
    Baixar

     

     

       CURSO ONLINE   

     

    Videaoulas grátis de Língua Portuguesa, Matemática e Informática.

    Acesso via PC : clique aqui

    Acesso via Smartphone : clique aqui

     

     

       CONTEÚDO GRATUITO   

     

     

    DICIONÁRIO JURÍDICO

     
    Baixe um dicionário de A a Z de tudo que você precisa para entender o "dialeto" do direitos.

    GLOSSÁRIO DE INFORMÁTICA


    Baixe também um glossário de A a Z da informática.
    Acessar


    DICAS PARA REDAÇÃO


    A redação é um instrumento valioso para o progresso na escrita. Quer saber como elaborar uma boa redação de encher os olhos do examinador? Descubra.
    Acessar


    DICAS PARA CONCURSOS


    Muitos candidatos sonham com o que irá cair em sua prova, mas o único conhecimento que têm é através do edital. Para saber mais clique abaixo.
    Acessar


    NOVA ORTOGRAFIA


    Oh, as famosas pegadinhas em concurso! Principalmente no que tange a matéria de Lingua Portuguesa.  Evite-as.

    Acessar

     

     

    Confira também